Quarta-feira, 14 de Abril de 2010

Comunas do Quitexe com ajuda alimentar

A alegria estampada no rosto de Luís Alexandre Joaquim, um menino de sete anos, era contagiante. O pequeno Luís recebeu, domingo último, da Associação de Jovens Angolanos Provenientes da República da Zâmbia (AJAPRZ), material didáctico e uma pasta escolar muito bonita. Quem também saltou de alegria foi a pequena Mingota, que beneficiou igualmente de material didáctico e uma pasta escolar de cor preta e azul.

 

Momento em que o governador provincial e o presidente da AJAPRZ faziam a distribuição do donativo composto por bens alimentares, industriais e material didáctico 

Fotografia: Eunice Suzana

 


 “Estamos muito alegres. Agora já não vamos mais levar os cadernos nas mãos”, disse Juliana André, aluna matriculada na escola primária da comuna de Cambamba, localidade que dista a cerca de 88 quilómetros da sede municipal do Quitexe.
 Os sobas, Lourenço Mutolo e José Armando, das aldeias Kiuanda e Kuilo Kumba, respectivamente, dançavam e cantavam. Cada um deles recebeu uma bicicleta. “Estamos felizes com estes meios que vão ajudar-nos a passear à vontade e a carregar alguns produtos do campo”, disseram.   Na localidade de Cambamba, a AJAPRZ levou grandes quantidades de arroz, óleo alimentar, sabão, material didáctico, bicicletas, motorizadas, roupa usada, sementes, pastas escolares, panos, aparelhos DVD’s, rádio gravadores e jogos de panelas, que vão minimizar a carência da população local.
 Bento Raimundo, presidente da AJAPRZ, disse que a organização que dirige vai continuar a apoiar a comunidade na resolução de todos os seus problemas sociais. “Todos os vossos problemas serão resolvidos. Mas, antes de tudo, é preciso termos esperança, confiança, e continuarmos a trabalhar, estando cada vez mais unidos, para além do que já somos”, frisou. 
 Tendo em conta as dificuldades que a localidade enfrenta, em relação à falta de infra-estruturas escolares, para além de outras, como a falta de energia eléctrica e água potável, Bento Raimundo prometeu aos nativos que a associação vai financiar a construção de uma escola na localidade.
 O governador do Uíge, Paulo Pombolo, referiu que o apoio dado àquela população surge como resposta da solicitação feita por um grupo de idosos da comuna de Cambamba, durante a realização do acto provincial alusivo ao Dia da Paz e da Reconciliação Nacional, que decorreu, no dia 4 de Abril, na sede municipal de Quitexe.
Quanto ao problema de água, energia, saúde, entre outros, o governador defendeu ser necessário analisá-los com a administração municipal e comunal, para se definirem as prioridades, no âmbito do Programa de Investimentos Públicos. “Viemos aqui para, juntamente com a administração local, discutirmos e encontrarmos as possíveis vias para equacionarmos os problemas que afligem a população, mas também para enaltecer o empenho do Presidente da República, que muito tem feito para que os nossos problemas encontrem soluções”.
 A concluir, afirmou sentir-se comovido perante os problemas que lhe foram apresentados e pediu a outras organizações que sigam o exemplo da AJAPRZ.
 As chuvas que caem, quase ininterruptamente, na região, provocaram a destruição do único posto médico em funcionamento na comuna de Cambamba. Apenas um enfermeiro funciona na referida unidade sanitária, que carece de tudo um pouco. Faltam fármacos, laboratório de análises clínicas, ambulância, entre outros materiais que possam garantir uma maior e melhor assistência da população local.
 
Via degradada

Algum trabalho de terraplanagem vai sendo feito ao longo da via que liga Cambamba à comuna de Vista Alegre, com cerca de 28 quilómetros. Mas ainda falta muito para que as viaturas cheguem até à localidade sem quaisquer constrangimentos. Com as chuvas a caírem constantemente sobre a região, o terreno fica lamacento, tornando a via muito escorregadia e perigosa.

 

José Bule - Jornal de Angola

publicado por Quimbanze às 19:06

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Governador constata dificuldades da população do Cambamba

 

  Angop
O governador provincial do Uíge, Paulo Pombolo
O governador provincial do Uíge, Paulo Pombolo
 

 

 

 

Uíge - O governador provincial do Uíge, Paulo Pombolo, deslocou-se hoje, domingo, à comuna de Cambamba, município do Quitexe, a 127 quilómetros a sul da cidade do Uíge, para constatar a realidade acerca da vida socioeconómica da população.

 

 

 

 
Falando durante o acto político assistido por centenas de pessoas, na sede da comuna do Kambamba, Paulo Pombolo disse ter-se deslocado aquela comuna em resposta a um convite feito há 4 de Abril por um grupo de velhos e o administrador comunal.
 
"Viemos aqui para junto com a administração local discutirmos e encontrarmos as possíveis vias para equacionarmos os problemas que afligem a população, mas também enaltecer o empenho do Presidente da República que muito tem feito para que os nossos problemas encontrem soluções.
 
Adiantou sentir-se comovido face aos problemas que lhe foram apresentados por um grupo de velhos da comuna, tendo procurado convidar a AJAPRZ, o que se concretizou uma semana depois, agradecendo a organização e o Presidente da República a este propósito.
 
Depois de esclarecer a população do Cambamba a tarefa da AJAPRZ, adiantando ser um grupo de jovens angolanos que assumiu o compromisso de ajudar a população, tendo pedido a outras organizações a seguirem o mesmo exemplo.
 

 

Enquanto isto, o presidente da AJAPRZ, Bento Raimundo, apelou à população a acreditar num futuro melhor, já que os momentos difíceis que o país atravessou constitui coisa do passado. Adiantando ter sido comovido ao ouvir que a única escola da comuna foi construída por um filho desta comuna.

 

 

ANGOP

 

 

 

publicado por Quimbanze às 19:05

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quarta-feira, 7 de Abril de 2010

Casas no Quitexe para combatentes

Antigos combatentes, viúvas e comunidades desfavorecidas vão receber casas, a serem construídas na vila do Quitexe, através do Projecto Kussanguluka.
A ministra da Família e Promoção da Mulher, Genoveva Lino, está, desde ontem, na província, para uma visita de três dias, para o lançamento do projecto, que contempla, na primeira fase, a construção de três mil casas.
“É um projecto integrado em que vamos construir casas sociais e distribuir campos agrícolas aos beneficiários. Prevemos também integrar no projecto famílias que residem ou têm lavras próximo deste local”, disse, o presidente do Conselho de Administração do Consórcio Comandante Loy, Domingos Barros, o empreiteiro das obras.
A administração municipal de Dange-Quitexe disponibilizou cem hectares de terreno para a construção das casas.
O período de execução é de 90 dias e a mão-de-obra vai ser recrutada localmente, principalmente entre antigos combatentes e jovens desempregados.
“Não pretendemos trazer mão-de-obra de outros pontos do país”, referiu Domingos Barros, que anunciou uma visita aos municípios do Bungo e Negage, para ver as áreas reservadas à edificação de casas e reunir-se com a reitoria da Universidade Kimpa Vita, com quem vai analisar projectos para a construção do Campus Universitário.
 
Genoveva Lino reúne com mulheres
 

 Genoveva Lino vai aproveitar a estada no Uíge para fazer um balanço sobre as actividades desenvolvidas pela Direcção Provincial da Família e Protecção da Mulher e avaliar o grau de cumprimento das orientações deixadas no ano passado.
“O principal objectivo da nossa vinda ao Uíge é colocar a primeira pedra do projecto familiar, que está a ser executado em conjunto com o Consórcio Comandante Loy, para beneficiar antigos combatentes, comunidades e, também, as viúvas”, disse.
A ministra vai deslocar-se ao município da Damba para verificar as condições de vida das mulheres expulsas da RDC e visitar o hospital municipal.
Genoveva Lino vai igualmente visitar o projecto de alfabetização e de repovoamento animal na localidade de Longe-Zeca, município do Negage, e as crianças portadoras de deficiência integradas no sistema normal de ensino no município do Uíge. 

 

António Capitão | Uíge

Jornal de Angola    

publicado por Quimbanze às 22:08

link do post | comentar | favorito

Governador exalta liderança esclarecida do PR no alcance da paz


  Angop
Governador da  provincia do Uíge, Paulo Pombolo
Governador da provincia do Uíge, Paulo Pombolo
 

 O governador provincial do Uíge, Paulo Pombolo exaltou domingo, na vila de Quitexe, 42 quilómetros a sul da cidade do Uíge, a liderança  esclarecida do Presidente da Republica, José Eduardo dos Santos, no alcance da paz em Angola.

 

 

O governante que falava durante o acto que marcou as celebrações do dia da paz, assinalado domingo, disse que o Presidente da República, José Eduardo dos Santos, na sua qualidade de arquitecto da paz, sabiamente conduziu todo o processo de pacificação e reconciliação dos angolanos.

 

 

Como disse, o Presidente da República privilegiou encima de tudo o diálogo entre os angolanos, para salvaguardar os interesses nacionais, fazendo assim os angolanos a diferença aos olhos de África e do mundo. Esta paz duramente alcançada é irreversível.

 

 

Paulo Pombolo afirmou que a paz não significa apenas o calar das armas, a paz convida a todos os angolanos a viverem em harmonia, na cultura do amor ao próximo, porquanto ela (paz) constitui um sentimento de responsabilidade e de partilha de experiências.

 

 

Para destacar os ganhos da paz, o governante frisou em pouco tempo de paz o país está vindo a alcançar vitorias importantes em vários domínios da vida, adiantando que para o caso especifico da província do Uíge, em pouco tempo da paz foram construídas mais de 200 escolas, vários centros médicos e hospitais, a província ganhou uma instituição superior "Universidade Kimpa Vita".

 

 

Para impulsionar o crescimento económico da província, realçou, está a ser construída a linha de transportação de energia de Capanda a Maquela do Zombo, que viabilizara exploração de cobre em Mavoio (município de Maquela do Zombo), vários quilómetros das estradas estão ser reabilitados.

 

 

Reconheceu que a reconstrução de um país como Angola que foi duramente dilacerada pela guerra, não pode ser de um dia para outro.

 

 

"Há oito anos para cá era impossível para os nossos jovens e crianças sonharem um futuro risonho, os mais velhos irem a lavra sem sobressaltos", disse, adiantando que mas hoje, tudo é possível e a circulação de pessoas e bens é irrefutável.

 

 

"O país caminha com passos firmes para a consolidação da democracia e a boa governação", frisou, falando ainda da aprovação de vários instrumentos jurídicos que regerão o país, com destaque a Constituição e a Lei de Probidade Administrativa. Apelou aos distintos responsáveis a divulgação destas leis, devendo todos a sua interiorização.  

 

 

Paulo Pombolo apelou ainda a todos para contribuírem na reconstrução do país, cada naquilo que sabe fazer, assumindo todos o comprometimento dos valores e princípios fundamentais da paz, trabalhando cada um no seu ramo de saber e de acordo com suas capacidades, para engrandecer o país e em particular a província.

 

 

Durante o acto do dia celebrado sob o lema "Angola-Paz, Democracia e Boa governação", foram lidas mensagem da administradora local, Conselho da Juventude e da Família e promoção, tendo reflectidos os ganhos da paz para os angolanos.

 

 

O programa da celebração do oitavo aniversario da paz em Angola, terminou com a inauguração de residência para administrador adjunto, palácio provisório, administração municipal e visitas a vários empreendimentos do município do Dange Quitexe.

 

publicado por Quimbanze às 22:05

link do post | comentar | favorito

Associações camponesas recebem gado para relançamento da produção animal

 

 O governador da província do Uíge, Paulo Pombolo, procedeu no domingo (dia 04), no município do Dange-Quitexe, sul da cidade do Uíge, a entrega de 20 cabeças de gado caprino e 10 de bovino aos camponeses agrupados em duas associações desta localidade.

 

Falando durante o acto de entrega, Paulo Pombolo anunciou que o programa do governo, neste domínio, visa contemplar cerca de 100 cooperativas e associações de camponeses e desenvolver a criação do gado no Quitexe.

 

No momento, Paulo Pombolo anunciou o arranque para breve de outros programas para o desenvolvimento da região, apelando aos beneficiários a tratarem bem os animais.

 

Nesta senda, o governador entregou televisores às autoridades tradicionais do município, assim como bens industriais.

publicado por Quimbanze às 22:03

link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.subscrever feeds

.arquivos

. Outubro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Junho 2009

. Abril 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

.arquivos

. Outubro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Junho 2009

. Abril 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

.Outubro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31